jusbrasil.com.br
26 de Junho de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região TRT-3 - RECURSO ORDINARIO TRABALHISTA: RO 0000384-38.2010.5.03.0087 MG 0000384-38.2010.5.03.0087

Detalhes da Jurisprudência

Órgão Julgador

Oitava Turma

Publicação

29/07/2011.

Relator

Marcio Ribeiro do Valle
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

EMPREGADO DOMÉSTICO. PRETENSÃO AO PAGAMENTO DE ADICIONAL DE INSALUBRIDADE, HORAS EXTRAS E ADICIONAL NOTURNO. DESCABIMENTO.

Tratando-se o Autor de empregado doméstico, assim reconhecido nos moldes do art. da Lei nº 5.859/72, não há amparo legal para se cogitar o pagamento de adicional de insalubridade, horas extras e adicional noturno, a teor do que dispõem os artigos , a, da CLT, e 7º, parágrafo único, da Constituição Federal.
Disponível em: https://trt-3.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/1119146309/recurso-ordinario-trabalhista-ro-384201008703007-mg-0000384-3820105030087

Informações relacionadas

Tribunal Superior do Trabalho
Jurisprudênciahá 10 anos

Tribunal Superior do Trabalho TST - RECURSO DE REVISTA: RR 147600-43.2007.5.15.0129

Tribunal Regional do Trabalho da 12ª Região
Jurisprudênciahá 2 anos

Tribunal Regional do Trabalho da 12ª Região TRT-12 - Recurso Ordinário Trabalhista: RO 0000526-97.2019.5.12.0015 SC

Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região
Jurisprudênciahá 2 anos

Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região TRT-4 - Recurso Ordinário Trabalhista: ROT 0022437-59.2016.5.04.0512

Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região
Jurisprudênciahá 2 anos

Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região TRT-4 - Recurso Ordinário Trabalhista: ROT 0021527-10.2016.5.04.0002

Tribunal Superior do Trabalho
Jurisprudênciahá 2 anos

Tribunal Superior do Trabalho TST - AGRAVO DE INSTRUMENTO EM RECURSO DE REVISTA: AIRR 11892-69.2015.5.15.0087